Ricci destaca os 154 anos da Emancipação Política de Descalvado

Em 22 de abril de 1965, D. Pedro II assinou lei que elevou a Freguesia do Belém do Descalvado para Vila

O presidente da Câmara Municipal, vereador Sebastião José Ricci (PP), utilizou a tribuna durante a sessão ordinária de segunda-feira, 22 de abril, para destacar o aniversário de 154 anos da Emancipação Político-Administrativa de Descalvado.

Ricci lembrou que em 22 de abril de 1865 que “de ordem de sua Majestade o Imperador Pedro II, faço saber a todos os habitantes que fica elevada à categoria de Vila, a Freguesia do Belém do Descalvado, do Município de São João do Rio Claro”, conforme consta no livro Conheça Descalvado – Emancipação Política e Câmara Municipal, escrito por Luiz Carlindo A. Kastein.

O parlamentar destacou Agostinho José Alves de Amorim, fazendeiro nascido na província de Santa Catarina, que aqui chegou em 1809 e se estabeleceu ao norte do Município, entre as margens dos rios Mogi Guaçu e Pântano. “Pioneiro em nossa terra, Amorim foi um grande lutador pela emancipação”.

Luta

Em sua luta por Descalvado, Amorim conseguiu que em 28 de fevereiro de 1844, o Imperador assinasse a lei nº 21, transformando a capela de Nossa Senhora do Belém do Descalvado em Freguesia.

Amorim morreu em 1864, um ano antes da emancipação pela qual tanto havia se empenhado. Sua luta, porém, ficou marcada na história de Descalvado.

Ricci observou ainda que graças à conquista de Amorim, Francisco Antônio de Souza Queiroz Filho, José Elias de Toledo Lima, Antônio de Camargo Campos e Rafael Tobias de Oliveira, entre outros, foi possível realizar a primeira eleição para a Câmara Municipal de Descalvado. A posse dos primeiros vereadores ocorreu em 1º de janeiro de 1866.

“Trata-se de uma data muito significativa para todos nós descalvadenses. Um marco em nossa história que precisamos sempre destacar e comemorar. Uma data que marcou o início de uma caminhada para nos tornarmos esse Município pujante que somos hoje”, concluiu Ricci.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *