CÂMARA MUNICIPAL DESCALVADO

Do Estado de São Paulo

Ninja reivindica escada e corrimão no canteiro central da Avenida das Flores

O vereador Reinaldo Ninja (PSDB) reivindica à Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos o cumprimento de emenda impositiva de R$ 3 mil destinada à construção de escada com corrimão no canteiro central da Avenida das Flores.

O ideal, segundo ele, seria a colocação da escada e do corrimão nas imediações do cruzamento com a Rua das Hortênsias, em atendimento aos pedidos de moradores do Parque Morada do Sol.

Ninja observa que a Avenida das Flores, umas das principais do Parque Morada do Sol, corta praticamente todo o bairro e é composta por duas vias com mãos de direção opostas, divididas por um canteiro central.

“Estas duas vias ficam em níveis diferentes, uma mais alta e outra mais baixa, de forma este canteiro central é irregular e coberto por grama, o que dificulta a travessia dos pedestres”, afirma.

Para ele, a construção de uma escada com corrimão seria uma alternativa que, embora simples, é bastante viável para que os pedestres possam cruzar a Avenida das Flores com mais segurança.

TV Digital

Ninja solicita que a Prefeitura tome as medidas cabíveis visando disponibilizar um maior número de canais de TV digital no Município. Desde o final de 2018, o sinal analógico está desativado, “mas, apenas o sinal de alguns canais abertos está disponível no Município”, diz.

“Os programas de televisão são culturalmente uma forma de unir as famílias em casa, seja para assistir aos noticiários, novelas ou demais programas de entretenimento”.

Tíquete

Ninja solicita que a Prefeitura conceda mais R$ 100 no auxílio alimentação dos servidores municipais. Em 9 de maio, a Câmara aprovou aumento no mesmo valor. O projeto, no entanto, cortou o fornecimento de cestas básicas, o que teria gerado insatisfação em parte da categoria.

Considerando que referido Projeto procedeu outras alterações, dentre as quais, o pagamento do auxílio-alimentação a servidores afastados por acidente de trabalho. 

“Agora, com a contratação de uma empresa que vai fornecer cartão magnético para a compra de gêneros alimentícios, muitos acreditam que vão ser prejudicados, já que eles alegam que, que a Prefeitura ao negociar grande quantidade de cestas básicas, conseguia comprá-las com preços menores e, agora, o servidor vai pagar mais caro”, afirma.