CÂMARA MUNICIPAL DESCALVADO

Do Estado de São Paulo

Marcelo Figueiredo propõe a instalação de estúdio de gravação na escola de Música

Uma das proposituras apresentadas esta semana pelo Vereador Marcelo Figueiredo  propõe à Prefeitura a instalação de um “Home Estúdio” na Escola Municipal de Música “Maestro Quique Todescan”. O objetivo é oferecer aos músicos da cidade e aos alunos da escola um  espaço adequado para as suas criações, incentivando-os a aperfeiçoar e criar um portfólio das vertentes e estilos locais.

O home estúdio é um espaço de alta tecnologia para a criação de produções musicais. O investimento gira em torno de R$ 20.000,00 a R$ 30.000,00, em razão da variedade de equipamentos necessários para a sua composição como: um computador com capacidade de rodar o DAW escolhido; DAW (Digital Áudio Workstation);  interface de áudio; microfones; fones de ouvido; sistema de monitoração Monitores Near Field; cabos, pedestais e pop filter.

“O custo é alto, entretanto, vejo como uma forma de incentivar os alunos a gravarem as fases de aprendizado em que se encontram para um melhor aperfeiçoamento. Além disso, oferece chance dos músicos locais gravarem seus portfolios, constituírem carta de apresentação aos contratantes e abrir portas para o mercado artístico”, frisou Figueiredo.

Reparo asfalto – Marcelo também apresentou à Secretaria de Planejamento, Desenvolvimento, Obras e Serviços Públicos propositura que pede reparos no asfalto do cruzamento da Rua Anselmo Cassamasso com a Rua Bezerras Paes. A sugestão do vereador é a colocação de paralelepípedos em parte da via, a fim de reforçar a estrutura para o trânsito de caminhões.

“O trecho está danificado devido ao tráfego de veículos pesados, caminhões que carregam na Royal Canin, Socil Evialis, Vansil e demais empresas existentes no entorno. Por isso a minha sugestão”.

 

Vereador recomenda prorrogar vencimento do IPTU para o fim deste mês

Figueiredo solicitou  ao Poder Executivo, a prorrogação do vencimento do IPTU – Imposto Predial e Territorial Urbano, nesta ocasião, para o dia 30 de abril de 2021, em razão da continuidade da fase de fechamento de setores comerciais no Estado.

“O vencimento já tinha sido alterado para o 09 de abril, porém, com a prorrogação da fase vermelha por mais 15 dias, acho prudente que os contribuintes tenham mais um prazo para quitar o imposto”.