CÂMARA MUNICIPAL DESCALVADO

Do Estado de São Paulo

Empresas do bairro Butiá reclamam do asfalto

Empresas do Distrito Industrial “Cosmo Fuzaro”, no Bairro Butiá, se queixam da péssima condição do asfalto das ruas. Em razão disso, o vereador Ismael Franceschini reclama o recapeamento das vias do bairro e, em caso de inviabilidade do recape que se coloque raspas de asfalto, como foi feito na Rua Adolfo Fava.

Há um mês Ismael Franceschini tem indicado pontos da cidade que necessitam de serviço de recapeamento. “Entendo que a região central da cidade está sendo recapeada, mas há pontos periféricos que precisam deste serviço”, indagou o vereador.

Denominação de Rua

Foi encaminhado à Prefeitura um pedido de revitalização e instalação de placas de denominação de ruas, com atenção especial para os pontos: Bairro Jardim Albertina, a Rua Francisco de Queiroz (no Bairro São Sebastião) e a rua onde estão instaladas a Casa do Mel e a Casa do Leite, no centro da cidade, além das localidades do bairro do Butiá.

O vereador disse que este é outro ponto crítico da cidade. Muitas placas instaladas estão deterioradas, com o letreiro apagado ou simplesmente já não existem. A sinalização é fundamental para visitantes e para serviços de entregas e dos Correios. 

Entrada da cidade

Foi reiterado o pedido para o desenvolvimento de um projeto paisagístico para os “barrancos” que ladeiam a Via de acesso Antonio Benedito Paschoal. A via de acesso é a principal entrada ao município, e os barrancos que a ladeiam estão sujos, com detritos e tomados pelo mato. Sem contar que os moradores não utilizam a passarela “Thereza Conradi Calza” para a travessia entre os bairros Jardim Albertina e Ricardo Cezar, e sim o barranco e a pista, onde ficam expostos a acidentes. Ismael conclui que um projeto paisagístico, com o plantio de espécies ornamentais, além de melhorar o aspecto visual do trecho, ainda pode inibir a passagem desses cidadãos.