Vick Francisco consegue 80 mil para a Apae Descalvado

Trata-se de emenda do Deputado Vitor Sapienza com apoio do Deputado Davi Zaia

Em visita à APAE de Descalvado, o vereador Luiz Carlos Vick Francisco (PPS) constatou a necessidade de reformas no prédio daquela entidade, principalmente no telhado, nas portas das salas que precisam ser maiores para passagem de cadeirantes, etc. e levou pessoalmente no ano passado pedido de verba aos deputados de seu partido (PPS).

Neste mês, Vick Francisco recebeu com satisfação a notícia de que seu pedido foi transformado em Emenda Parlamentar de autoria do deputado estadual Vitor Sapienza, com o apoio do deputado estadual Davi Zaia, e incluído no orçamento do Governo do Estado de São Paulo para 2018.

Em conversa com os deputados, Vick Francisco foi informado que a verba deverá vir diretamente para a APAE ainda neste ano e será muito útil para as reformas necessárias naquele prédio, beneficiando a entidade e principalmente todos aqueles que são assistidos por ela.

Vereador pede ao Vice-prefeito para renunciar ao seu salário

Na sessão legislativa desta segunda (05), Vick Francisco mostrou-se preocupado com a falta de funcionários e de equipamentos para resolver questões importantes em nossa cidade, como a contratação dos Agentes de Saúde da Família, de funcionários para trabalhar nos Postos de Saúde da Família que ainda não foram inaugurados, na limpeza das ruas e na remoção do lixo e entulhos, na poda de árvores, e também pela necessidade de se conceder o reajuste do funcionalismo em maio próximo. A justificativa do Executivo é sempre a mesma: falta de recursos e o valor elevado da folha de pagamento.

Assim, o vereador Vick Francisco está pedindo ao próprio Vice-Prefeito Luiz Carlos Rosa Vianna que renuncie a seus salários que, com os encargos, ultrapassa 8 mil reais mensais e no ano passam de 100 mil reais. Argumenta Vick Francisco que, nos momentos em que o Vice assumir a Prefeitura ele receberá salário de prefeito e enquanto estiver como Vice ele não tem nenhuma atuação oficial, nem assume qualquer responsabilidade, por isso, o vereador propõe que o Vice-Prefeito, independente de quem seja, não deve receber salário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *