Prefeitura explica situação das câmeras de monitoramento

Por iniciativa do vereador Daniel Bertini, representantes do Executivo participaram de reunião na Câmara Municipal

Em reunião realizada na manhã de quarta-feira, 20 de março, convocada pelo vereador Daniel Bertini (PMN), representantes da Prefeitura explicaram a um grupo de parlamentares a situação das câmeras de segurança que deveriam ter sido instaladas em 2013.

De acordo com Daniel, “nos foi passado que a Prefeitura está movendo uma ação de ressarcimento contra a empresa Rizzo, que recebeu R$ 2.780,00 para instalar as câmeras e não fez o serviço”.

O vereador destaca que “agora, ou a empresa cumpre sua parte e instala e coloque as câmeras de monitoramento em funcionamento ou devolve o valor que recebeu; como o caso está na Justiça, vamos aguardar”.

Cobranças

Desde a posse, em janeiro de 2017, Daniel Bertini vem cobrando uma solução para o problema. “Foram diversos pedidos de informação e solicitações de providências que encaminhei sem que tivéssemos uma posição, mas agora espero que essa situação se resolva o quanto antes”, afirma.

Daniel lembra que “em 2013, o Município adquiriu, pagando bastante caro, quase R$ 3 milhões, os equipamentos que deveriam ser instalados em diversos pontos da cidade visando a segurança da população e até hoje aguardamos a instalação das câmeras”.

Segundo o vereador, “eles colocaram material sucateado e câmeras que não gravam; é obrigação da empresa colocar as câmeras para funcionar, por isso, venho cobrando do Executivo que exija que a empresa cumpra com sua obrigação”.

Daniel considera que “a conclusão da instalação e a entrada em funcionamento destes equipamentos serão de grande importância para nossa cidade, uma vez que poderão auxiliar de forma relevante a Polícia Militar no combate à criminalidade”.

Além de Daniel Bertini, participaram da reunião os vereadores Sebastião José Ricci (PP), Debora Cabral (PR), Luisinho Panone (PSD) e Vagner Basto (PRB); Diego Lastosa, diretor-geral da Câmara Municipal; e, Luiz Carlos Rosa Vianna, vice-prefeito; Daniel Bagatini, procurador-geral do Município; Diego da Global, secretário de Administração; Rodrigo de Oliveira, diretor de Gabinete da Prefeitura; e, Fábio Jó, do setor de Tecnologia da Informação da Prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *