Zé Dias defende Centro de Diagnóstico e Imagem em Descalvado

Dr. Edevaldo sugere convênio com entidades para gerir novas creches

Guto propõe Semana Municipal de Artes Marciais

Paula Peripato solicita doação de inservíveis a entidades

Pastor Adilson pede residência médica em Descalvado

O vereador Pastor Adilson Gonçalves (PSC) quer que a Prefeitura estude a possibilidade de cadastrar o Município no projeto de residência médica do programa de Contratos Organizativos de Ação Pública Ensino-Saúde (COAPES).

Pastor Adilson explica que para adesão ao programa o Município deve atender alguns requisitos, como ter o Programa de Saúde da Família, hospital, Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e outros equipamentos de saúde.

De acordo com ele, “Descalvado possui uma grande chance de receber até três médicos residentes e um médico preceptor, pois atende as exigências necessárias do programa”.

Clínica

Por meio de outra indicação, Pastor Adilson pede a criação de uma clínica municipal para dependentes químicos, custeada pelo Município. “Isso evitaria o pagamento de vagas sociais nas clinicas particulares”. A clínica seria destinada exclusivamente para cidadãos descalvadenses.

Segundo ele, “a cada dia cresce o número de dependentes químicos na cidade, por isso é necessário que tomemos providências para cuidar dessas pessoas que estão vivendo um período tempestuoso”.

O vereador argumenta que o custo de uma clínica particular é alto. “Muitas famílias não tem condições, utilizando as vagas sociais; o valor gasto para pagar as clinicas particulares seria suficiente para que o Município abrisse uma clinica com toda estrutura necessária”, conclui.

Ricci quer selos de orientação da Farmácia Popular

Legislativo congratula Associação Protetora dos Animais – APAD

Substituição das monitoras de ônibus preocupa Vick Francisco

Zé Dias quer alfabetização de adultos

Sposito quer transparência em contratos e convênios do Município

Guto pede informações sobre arrecadação e pagamentos da Prefeitura