Luisinho cobra doação de área para expansão da Vansil

Vereador Luisinho Panone

O presidente da Câmara Municipal, vereador Luisinho Panone (PSD), cobra urgência da Prefeitura para atendimento do pedido de doação de área para a empresa Vansil expandir suas atividades e gerar, ao menos, mais 55 empregos em Descalvado.

O pedido foi feito no final do ano passado, mas até agora a Prefeitura não se manifestou. “O empresário está implorando, em meio a essa crise ele está querendo crescer, investir, gerar empregos. Trata-se de uma empresa genuinamente descalvadense que emprega majoritariamente gente de nossa cidade”, afirma.

“Eu gostaria de saber qual a dificuldade de doar. Sempre dizem que falta dinheiro, é sempre isso que a gente ouve. Em 31 de dezembro do ano passado a Câmara devolveu quase R$ 1,2 milhão que economizamos. Alguém sabe o que foi feito com esse dinheiro? O que o prefeito fez com R$ 1,2 milhão?”, questiona.

Luisinho teme que se repita o caso de um empresário de Porto Ferreira que desistiu de Descalvado por não receber apoio da Prefeitura. “Aconteceu na administração passada, ele não conseguia conversar com ninguém na Prefeitura, iam empurrando para um e para outro e ninguém resolvia. Até que ele desistiu e montou a empresa em Porto Ferreira, que hoje está funcionando e gerando centenas de empregos”, diz.

O parlamentar alerta que cidades da região já demonstraram interesse na Vansil. “É preciso urgência para desapropriar a área e fazer a doação. São quatro ou cinco mil m2 apenas. Não podemos perder o entusiasmo do empresário. A Câmara tem R$ 500 mil de dinheiro em caixa, se for o caso, podemos repassar para a Prefeitura fazer a desapropriação”, conclui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *