CÂMARA MUNICIPAL DESCALVADO

Do Estado de São Paulo

Daniel Bertini cobra funcionamento efetivo das câmeras de monitoramento

Vereador Daniel Bertini

O vereador Daniel Bertini (PMN), por meio de requerimento, cobra do Executivo informações sobre as razões pelas quais ainda não estão em funcionamento as câmeras de monitoramento em Descalvado.

Daniel lembra que “em 2013, o Município adquiriu, pagando bastante caro, cerca de R$ 3 milhões, os equipamentos que deveriam ser instalados em diversos pontos da cidade visando a segurança da população e até hoje aguardamos instalação das câmeras”.

Também por meio de requerimento, o vereador já havia solicitado informações sobre como ficou o acordo entre a Prefeitura e a Empresa Rizzo para colocar em funcionamento de uma vez por todas as câmeras monitoramento.

“Eles colocaram material sucateado e câmeras que não gravam. É obrigação da empresa colocar as câmeras para funcionar. Por isso, venho cobrando do Executivo que exija que a empresa cumpra com sua obrigação”.

Daniel quer saber sobre as tratativas com a Empresa Rizzo, que apresentaram uma contrapartida para colocar em funcionamento o sistema de monitoramento.

“A conclusão da instalação e a entrada em funcionamento destes equipamentos serão de grande importância para nossa cidade, uma vez que poderão auxiliar de forma relevante a Polícia Militar no combate à criminalidade”.

Cuidados com Animais

Daniel sugere que o Executivo entre em contato com os órgãos competentes para que indivíduos em processo de ressocialização atuem nos cuidados de cães e gatos recolhidos pela Associação Protetora dos Animais de Descalvado (APAD), como ocorre em Taubaté.

“Taubaté implementou ideia pioneira a partir da qual presos em processo de ressocialização estão cuidando de animais abandonados por iniciativa de uma juíza que intermediou acordo entre a Prefeitura e o governo do Estado”, relata.

“Os presos atuam no Centro de Controle de Zoonoses envolvidos nos cuidados com comida, banho e tosa e também na manutenção e limpeza dos canis e gatis”.